Células estaminais no tratamento da asma – estudos pré-clínicos

Células estaminais no tratamento da asma – A empresa de medicina regenerativa Cynata therapeutics anunciou recentemente os resultados de um estudo pré-clínico com células estaminais mesenquimais (MSC) obtidas através da sua tecnologia Cymerus em modelos experimentais de asma.

A asma é uma doença inflamatória crónica das vias aéreas, que se caracteriza pela contração da musculatura à volta dos brônquios e pela excessiva produção de muco dificultando a respiração. A asma é uma doença debilitante que afeta mais de 330 milhões de pessoas em todo o mundo. Em Portugal estima-se que a doença afete cerca de 1 milhão de indivíduos.

A empresa Cynata therapeutics investigou a utilização da sua tecnologia Cymerus no tratamento da asma. A tecnologia fornece uma fonte de MSC (CymerusTM MSC) que quando aplicada em ratinhos asmáticos demonstrou ser eficaz na redução dos sintomas associados à asma.

Os investigadores induziram asma alérgica em ratinhos utilizando uma proteína da clara de ovo (albumina) resultando num aumento da hiper-reatividade das vias aéreas (HRVA) – medida da sensibilidade e irritabilidade do tecido brônquico –, uma das principais características da asma. Foi depois administrado 1 milhão de células CymerusTM MSC por via intravenosa a um grupo de ratinhos e por via intranasal a outro grupo de ratinhos. Estes animais foram comparado com ratinhos asmáticos aos quais não foram administradas células e a ratinhos não asmáticos aos quais foram administradas as células CymerusTM MSC.

Células MSC com resultados positivos em modelos animais de asma

Os autores observaram que a administração intravenosa de células CymerusTM MSC nos ratinhos asmáticos reduziu significativamente o valor de HRVA (60-70%) quando comparados com os níveis de ratinhos saudáveis. No caso da administração intranasal das células verificou-se que os valores da HRVA normalizaram para níveis semelhantes aos de animais saudáveis. Não foram observados efeitos adversos associados à administração das células CymerusTM MSC.

Os investigadores concluíram que as células CymerusTM MSC têm um efeito impressionante na HRVA nestes modelos de asma, particularmente quando administradas diretamente nas vias aéreas.

A empresa Cynata therapeutics sugere que as MSC obtidas através desta tecnologia poderão ter um elevado potencial no tratamento da asma.

 

Fonte:

http://cynata.com/wp-content/uploads/2016/10/16.10.17.Efficacy-for-CYP-MSC-Technology-in-Preclinical-Asthma-Study.pdf