Células estaminais ajudam crianças a recuperar de doença rara associada à Covid-19

A Síndrome Inflamatória Multissistémica em Crianças – também denominada MIS-C (sigla em inglês para Multisystem Inflammatory Syndrome in Children) – é uma doença rara que pode surgir em crianças, devido a uma desregulação do sistema imunitário, na sequência da infeção por SARS-Cov-2, o vírus que causa a COVID-19. Inicialmente descrita, na Europa, em abril de 2020, a sua prevalência tem vindo a aumentar, acompanhando o aumento do número de infetados por SARS‑CoV‑2, contando-se já algumas dezenas de crianças que sofreram desta doença, em Portugal. A taxa de mortalidade associada à MIS-C é baixa, tratando-se, contudo, de uma doença que requer internamento hospitalar e que pode ter consequências graves, ao levar à falência de vários órgãos, como o coração, os pulmões e os rins. Febre alta … Continuar a ler

Terapia com células estaminais mesenquimais em avaliação para o tratamento de COVID-19

A COVID-19, doença provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2), primeiramente detetada na China em dezembro de 2019, foi, em março deste ano, classificada como pandemia pela Organização Mundial de Saúde. Se, por um lado, este sério problema de saúde pública obrigou à mobilização de esforços de contenção por parte de entidades reguladoras, governos e, de uma forma geral, de toda a população, tem, por outro lado, gerado um esforço equivalente por parte da comunidade médica e científica, na procura de soluções para a sua prevenção e tratamento. Muito embora alguns doentes com COVID-19 apresentem apenas sintomas ligeiros, outros desenvolvem pneumonia, podendo o quadro evoluir, nos casos mais severos, para insuficiência respiratória grave, bem como falência de outros órgãos e conduzir, eventualmente, à morte. Para além das … Continuar a ler